Top 5 – Álbuns ao vivo de Céline Dion

Oi gente!

Como vocês já devem saber, sou fanzaça da Céline Dion (no post sobre o Duolingo eu falei que só estou aprendendo francês por causa dela). E hoje, a Rainha de Vegas completa 48 aninhos com pernas de 30. E como a Céline destrói carreiras com seus lives, resolvi fazer um Top só de seus discos ao vivo. Check it out:

5º lugar – Au Coeur du Stade

image

O CD e DVD foi gravado em junho de 1999, no Stade de France, em Saint-Denis, nos arredores de Paris, durante a fase europeia da Let’s Talk About Love Tour e lançado no mesmo ano. Reúne os grandes hits em francês da Céline até então e alguns hits em inglês. Tá disponível para ouvir no Spotify.

 

4º lugar – A L’Olympia

Esse aqui foi gravado no lendário teatro Olympia, em Paris, em setembro de 1994, e lançado em novembro do mesmo ano. Reúne os hits franceses pré-D’eux e algumas músicas em inglês, como Where Does My Heart Beat Now, Love Can Move Mountains e The Power Of Love. Tá no Spotify também.

3º lugar – Live à Paris

Esse álbum (e fita cassete, o pai do DVD) foi gravado em outubro de 1995 no Zenith Theatre, na Cidade-Luz e lançado em outubro de 1996. Reúne majoritariamente músicas do álbum D’eux (o álbum mais vendido da Francofonia), com algumas músicas mais antigas e do álbum The Colour Of My Love. Disponível também no Spotify.

2º lugar – Céline… Une Seule Fois / Live 2013

image

Esse foi o mais recente CD da Céline. Ele foi gravado em Québec City e em Paris, em 2013 e lançado em 2014. Ele compila, em dois discos, todos os hits franceses e músicas em inglês como os hits dos anos 90 e músicas do Loved Me Back To Life, o último álbum em inglês da diva. Ouve lá no Spotify.

1º lugar – Taking Chances World Tour: The Concert

image

O único em inglês da lista (e não disponível no Spotify #sad)! Ele foi o primeiro DVD da Cél que eu assisti, foi o que me cativou. Bem, ele foi gravado em 2008, em Boston, durante a Taking Chances World Tour e traz músicas do álbum e os hits em inglês da cantora (Céline praticamente só tem hit). Ele foi lançado em 2010, como CD e DVD.

Bem, é isso. Gostaram? Postem suas sugestões aqui nos comentários.

Beijos,
Pinky

Look do dia – 27/03/16

Oi gente!

Como foi a Páscoa de vocês? Espero que tenha sido abençoada, recheada da presença de Deus e de chocolate, porque não somos de ferro. Esse look foi para a igreja, na noite de domingo. Ele não está como os outros, porque no domingo passado mudei de endereço, e pasmem, ainda não arrumamos tudo, ou seja, o espelho ainda não foi instalado. Mas, vamos lá.

image
O look, parte 1.
image
O look, parte 2.

Blusa Gregory, calça Riachuelo, sapatilhas ViaMarte e acessórios de acervo pessoal.

E aí, curtiram? Logo logo instalaremos o espelho de novo para ter looks do dia normais.

Beijos,
Pinky

Top 5 – Boybands

Oi gente!

Estou aqui para falar de um assunto que eu A-M-O: boybands. Essas bandas de garotos, desconhecidos ou irmãos, que fazem muito sucesso há gerações, mereciam um top aqui! Atenção, o top é baseado na minha preferência, no meu gosto pessoal, não em charts ou no quanto fez história, então, se você não ver a boyband da sua adolescência aqui, não diga que eu não avisei. Here we go:

5º lugar – Five

image

Conheci o Five procurando coisas sobre a noite teen do Rock in Rio 2001, aquela só com Britney, *NSYNC e Sandy & Junior. Gostei das músicas e baixei três (Everybody Get Up, When The Lights Go Out e Keep On Moving). Eles também gravaram uma versão de We Will Rock You com Brian May na guitarra e Roger Taylor na bateria. Aqui embaixo, o maior hit deles, que está sempre na minha playlist:

4º lugar – New Kids On The Block

image

A boyband dos anos 80 que deu origem às dos anos 90 tinha que estar aqui! Conheci o NKOTB assistindo MTV de manhã cedo, era um especial deles. Minha reação foi “meu, isso é muito anos 80!”. A partir daí, fui procurar as músicas e baixei (You Got It) The Right Stuff, fixa na minha playlist. Aqui o primeiro clipe que eu assisti, Step By Step:

3º lugar – Jonas Brothers

image

Se eu pudesse resumir minha adolescência em duas palavras, eu resumiria em Jonas Brothers. Conheci os JB JB é Jonas Brothers sim, pronto e acabou em 2008, era a modinha do momento, de tanto ouvir When You Look Me In The Eyes e Burnin’ Up no rádio. Viviam na Capricho e eram muito associados à Miley Cyrus, de quem eu já era fã. Fui descobrir que era fã em 2009, quando eles vieram ao Brasil pela primeira vez e eu enchi o saco para ir no show. Fui, gritei, chorei e cantei como se fosse fã desde sempre. Daí pra frente, só piorou. Virei jonatic daquele jeito (fã-nática), fiz parte do Team Jonas (o fã-clube oficial da banda), criei Facebook, Instagram e Snapchat por causa deles e sou dona de fc no Twitter (até hoje). E eu era uma Kevin girl (o objetivo da minha vida foi casar com esse homem, literalmente) no meio de tantas Joe e Nick girls. Enfim, a banda acabou em 2013 e cada um seguiu seu caminho (Nick virou cantor solo, Joe virou DJ e vocalista da DNCE e o Kevin, empresário, personalidade da mídia e rei do Snapchat). Vamos ao maior hit da banda, Burnin’ Up, antes que eu morra de sofrência:

2º lugar – *NSYNC

image

Pra mim, a segunda melhor boyband do mundo é essa. Conheci em 2007, por intermédio de uma professora, fanzaça do JT. Lá por 2010, resolvi ouvir as músicas. Apaixonei e baixei todos os cds. Bem, em 2013, durante a performance do Justin no VMA, eles se reuniram (vide foto). Tive um ataque ao ver isso. Chorei, cantei e quis sair gritando pela sala. Aqui, o maior hit dos professores do pop, a boyband mais sincronizada ever, Bye Bye Bye:

1º lugar – Backstreet Boys

image

A maior boyband de todos os tempos, os professores do pop são os donos do primeiro lugar desse ranking. BSB é a minha boyband preferida, tanto que fiquei super triste de não ter ido no show em 2015. Bem, conheci os Boys (agora Men) em 2009, numa revista Todateen, que falava de clipes com coreografia e citava Everybody. Fui ouvir as músicas, ver as performances e… apaixonei e baixei todos os cds. E, para fechar o post com chave de ouro, o maior hit dos BSB, I Want It That Way (eu sei que você leu cantando).

E aí, curtiram? Comentem aqui as boybands preferidas de vocês e sugestões de tops!

Beijos,
Pinky

Feliz aniversário para o blog!

Oi gente!

Hoje, este humilde blog completa um ano!!! 🎉 Pra mim, o aniversário dele seria daqui a três dias, data do primeiro post, mas o WordPress me notificou de que é hoje.

image
A notificação.

Bem, um ano tendo experiências ótimas e passando por alguns perrengues também, conhecendo gente legal, aprimorando como escritora e no meu estilo.

Eu espero que o meu blog cresça bastante e se destaque. Eu farei a minha parte para dar sempre o melhor para vocês.

Beijos,
Pinky

Duolingo

Oi gente!

Hoje eu vou falar do meu curso de francês, o Duolingo. Ele é uma plataforma online gratuita de aprendizado de idiomas. Está disponível para Android, iOS e também no site (duolingo.com).

O Duolingo é super simples de usar. Primeiramente você faz o cadastro (usando seu e-mail, Facebook ou conta do Google). Depois, você escolhe qual idioma você quer aprender a partir da língua que você fala (no meu caso, primeiro, foi francês para falantes de inglês. Depois, quando saiu o francês a partir do português, migrei para esta modalidade) e em seguida você começa a praticar.

Conforme você vai praticando, você vai subindo de nível e desbloqueando unidades. É importante praticar diariamente, para manter o idioma fresco na mente e as unidades douradinhas. E ainda é possível medir o nível de fluência no idioma escolhido (agora estou com 34% no francês).

E tem mais, a cada unidade aprendida você ganha lingots, a moeda usada na lojinha do app. Lá você pode comprar unidades extras, desafios e roupinhas para o Duo, o mascote do Duolingo.

Instalem e me falem o que vocês acharam!

Beijos,
Pinky

PS: se vocês querem saber o porquê de eu querer falar francês, eu conto. Tive essa vontade após ler todos os Gossip Girl e conhecer mais as músicas de Celine Dion.

Look do dia – 19/03/16

Oi gente!

Esse look foi para visitar a Segunda Igreja Batista de Itapetinga. Meu pai pregou no culto de jovens e adolescentes, por isso que fui lá. Segue o look:

image

Blusa de paetês C&A, calça de couro de acervo pessoal, sapatilhas Nanda Ferreira e bolsa Philo.

image
Cabelo cosplay da Ariana Grande porque encaixotei minhas bijoux, estou de mudança.

E aí, curtiram? Comentem aí!

Beijos,
Pinky

Resenhando: Perfume JLOVE

Oi gente!

Esse post é sobre o mais novo lançamento da Avon, o perfume JLOVE, da Jennifer Lopez. Esse perfume faz parte de uma linha da Avon chamada Coleção VIP, que é de fragrâncias de celebridades que não são exclusivas da marca, mas também são vendidas no catálogo.

image
O dito-cujo. Peguei a foto do Fragrantica.com

Bem, quando eu gosto de algum produto, eu sou fiel à ele e à marca, tanto que eu uso o Fantasy, da Britney Spears, desde 2012. Mas experimentei o JLOVE no meeting de revendedoras. Ele é bem gostosinho, perfeito para usar a noite no verão (aqui na Bahia é verão praticamente o ano todo, ou seja, dá pra usar sem medo). Ele tem notas de frutas, flores exóticas, madeira branca e almíscar. E dura bastante, por ser eau de parfum. Lavei a mão várias vezes e o cheirinho continuava lá.

Resultado: eu até teria o JLOVE, mas eu não desapego de jeito nenhum do Fantasy, sério. Enfim, aprovado.

E aí, curtiram esse Resenhando? Me contem nos comentários se vocês já usaram e sugestões para a seção.

Beijos,
Pinky