Fazendo minha própria camiseta

Oi gente!

Este é um assunto “antigo”, ou seja, de janeiro, mas me bateu a inspo pra falar dele agora.

Então, em janeiro, conforme um dos posts do #PinkyEmSPS02, eu mandei fazer uma camiseta lá na Galeria do Rock com uma estampa criada por mim mesma, aquela com os nomes dos membros da DNCE que inclusive já está bem gastinha.

A estampa eu fiz no PhotoGrid (sim, o aplicativo de celular), na função estilo livre. E, ao achar a loja, a Red Transfer, resolvi fazer um teste com ela. E deu certo.

Mandei a foto do design via WhatsApp para a loja e eles imprimiram na camiseta. Isso me custou R$ 25.

wp-image-1114204471jpg.jpg
A dita-cuja.
Como a camiseta ficou en moi.


Depois disso, me surgiram váááárias ideias de camisetas com frases, que aliás estão suuuuuuuper na moda (vide revistas, blogs, Pinterest…). E agora que eu sei como materializar as ideias, ninguém me segura 😉

E aí, curtiram? Me contem nos comentários!

Beijos,
Pinky

Anúncios

#PinkyEmSP – S02E04

Oi gente!

Depois de quarta e quinta fazendo vários nada, sexta foi dia de piscina e igreja. Fui visitar a igreja em que eu me batizei, a Restaurando Vidas (antiga Casa Firme Liberdade). Os pastores, Ademir e Elsa Lima, são padrinhos de casamento dos meus pais. Sans photos. No sábado, fui visitar amigos que eram da ADUPV.

O look de sexta e sábado. Blusa Amarras, calça Renner, sandália Louise Prado (já postei no look do ano novo), bomber e bijoux de acervo pessoal.
A jaqueta bomber, que é de crepe de seda. Eu achei no armário da minha avó. Ela, e mais outras duas peças, ganharão um post logo logo.

No domingo, meu pai e meu irmão chegaram em SP. Sans photos aussi.

Na segunda-feira, fui ao centro com o meu pai atualizar documentos, tomar chá com leite no Rei do Mate e andar na Galeria do Rock. Coisas de pai e filha. Por lá, ainda comprei O Quarto K (falei dele no Livros do Mês de agosto), de Mario Puzo, num sebo e mandei fazer uma camiseta da DNCE na Galeria.

O design da estampa foi feito por mim 😉

E aí, curtiram? Logo logo tem mais!

Beijos,
Pinky

PS: quem quiser visitar a Restaurando Vidas e ouvir sobre Deus, o endereço é Rua Conselheiro Furtado, 559, Liberdade.

DNCE – o CD

Oi gente!

Hoje, 18/11, a minha favorite band, a DNCE ~finalmente~ lançou seu CD de estreia, que se chama DNCE e tem, como música de abertura, DNCE. É muito amor próprio, né gente?

A capa do CD. É muita riqueza, né non?

Eu, como Team DNCE, esperei MUITO por esse álbum. Minha decepção foi Jinx ter sido esquecida no SWAAY, o EP que introduziu a banda ao mundo. As baladinhas da DNCE são algo que o mundo deveria descobrir.

Eu achei o álbum bem anos 80, ou seja, bem funky pop. Com um momento dance em Naked e baladinhas super ♡♡♡, como Almost e Truthfully. Esta última, aliás, me faz imaginar Kevin e Nick Jonas no palco com o Joe. #alice

Meu Top 5:

Be Mean
Truthfully
DNCE
Cake By The Ocean
Unsweet

Concluindo, o disco é algo diferente do que se ouve hoje em dia, portanto vale muito a pena ser ouvido. E não  falo isso porque sou fã.

Me contem nos comentários se vocês ouviram e o que acharam do DNCE.

Beijos,
Pinky

DNCE

Oi gente!

Hoje vou falar da minha nova banda preferida, a DNCE (não me pergunte como pronuncia isso). A banda surgiu praticamente na semana retrasada, é contratada da Republic Records, a mesma gravadora de Ariana Grande, e os membros são, tchan tchan tchan tchaaaaan… Joe Jonas, Jack Lawless, JinJoo Lee e Cole Whittle.

image

Jack Lawless, Joe Jonas, Cole Whittle e Jin Joo.

Joe Jonas é um velho conhecido do público, afinal o cantor foi o frontman dos Jonas Brothers, até o fim da banda, em 2013. No meio-tempo entre JB JB é Jonas Brothers sim, pronto e acabou e DNCE, Joe foi DJ, colunista de moda, abriu um restaurante, foi do elenco do I Can Do That, fez feat com a Ciara e eu continuei sendo fã dessa desgraça

Jack Lawless é um velho conhecido das jonatics (including me, of course), pois era o baterista da banda de apoio dos irmãos Jonas, a Ocean Grove.

JinJoo Lee é uma guitarrista coreana radicada nos Estados Unidos. Ela tocou com o próprio Joe na era Fastlife e também com a Charli XCX.

Cole Whittle era o único que eu não conhecia. Ele foi baixista da banda Semi Precious Weapons antes do DNCE e já saiu em turnê com a Kesha e com a Lady Gaga.

Na semana retrasada, o Joe soltou alguns teasers da banda no Twitter e no Instagram, atiçando seu fandom que, de tão parado, já estava dando dengue. Na segunda-feira passada, a rádio Z100, de Nova York, lançou com exclusividade o single Cake By The Ocean, que eu não consigo parar de ouvir. Se vicie comigo!

Quando sai o clipe eu não sei (quando sai o cd, menos ainda). Mas enquanto isso, ouça no YouTube e siga a banda nas redes sociais (@dnce no Twitter e no Instagram). Ah, dá pra baixar no iTunes e ouvir no Spotify. #propagandagrátis #mepagajoe

E aí, viciaram na DNCE também? Me contem nos comentários o que acharam.

Beijos,
Pinky