Camisa de futebol no look

Oi gente!

Esse é um post que eu venho enrolando pra escrever planejando há muito tempo. Se, assim como eu, você gosta de futebol, certamente tem uma camisa do seu time do coração (ou até mais). Mas a grande questão é: da para fazer a peça ser algo fashionista? Ou melhor, dá pra usar camisa de time quando não é dia de jogo? A resposta é sim!

Esse look, como eu postei no #PinkyEmSP S02E01, foi de viagem. Combinei a camisa do meu Corinthians com jeans skinny okay, esse já está quase uma baggy, tênis estilo All Star e jaqueta jeans (e mochila). Funcionou super. E todo mundo no ônibus ficou me chamando de corinthiana hehe

lookdodia478-21
Retirado do JustLia.com.br

A Lia Camargo, do Just Lia, combinou a camisa do Coringão com calça flare, tênis Superga e uma jaquetinha (dá pra ver o look completo da Lia lá no Just Lia) para ver o time na Arena. Dá pra usar no shopping de boinhas.

Okay, os dois looks que eu achei ficaram parecidos (não só porque as “modelos” torcem para o mesmo time), musss, dá muito bem pra variar a parte de baixo, os sapatos e os acessórios, desde que combinem com as cores do time, ou seja, não inventa de jogar as cores do rival, tipo verde.

E então, curtiram? Me contem se vocês querem ver mais posts assim por aqui.

Beijos,
Pinky

Francinne – Na Pele

Oi gente!

Hoje ~finalmente~ saiu o primeiro EP da Francinne (já falei dela aqui), o Na Pele aka a salvação do pop nacional. Vou falar do EP aaaand do clipe de Meninas Querem Diversão, que também sai hoje.

A capa do dito-cujo. (Foto pega do Facebook da cantora)

Pra começar, devo dizer que as músicas do EP são daquelas que grudam na cabeça, bem pop mesmo (tem influências do eletrônico, do funk e até samba, mas o pop predomina). Vamos no faixa a faixa.

Meninas Querem Diversão

A faixa que abre o EP e também lead single, é o tipo de música que te faz querer se juntar “cazamiga” pra dançar e bater cabelo. Cheguei, a festa pode começar!

Me Namora

Essa foi o primeiro buzz single do EP, lançada no fim do ano passado. Muito dançante também. Deixa o som te controlar, se permita se entregar.

Requebra no Som

Segundo buzz single, foi lançada na semana do Glory, da maior influência da Fran, the legendary miss Britney Spears. Essa faixa é bem Anitta e tem beatbox e até um pandeiro no “ela samba, rebola, requebra no som”. Quando você vê, grudou na cabeça.

Só no Ca$H

Meio Valesca-se-jogou-no-pop. Dá pra dançar, gruda na cabeça, e tals, mas foi a que eu menos gostei. Sorry.

Na Pele

Uma faixa mais sexy, meio Breathe On Me. Boa pra ouvir de boas, dançar e cantar junto. A loira mostra nessa que também manja dos high notes.

Melhor Sozinha

Minha preferida! Uma boa baladinha (e que não é parada) sobre amor mal-resolvido. Meio Britney no começo da carreira meets Rouge. Amei, adorei, achei tudo.

Consideração final: esse EP te faz sentir num club, perfeito pra colocar no último volume e se acabar de dançar. Francinne é um sopro de frescor, é uma novidade, é pop até o tutano. Parabéns Fran e Mister Jam (o produtor e manager da gaúcha) pelo EP, que pode ser ouvido em todas as plataforma de streaming e comprado no iTunes e no Google Play.

Quanto ao clipe de Meninas Querem Diversão, ele sai às 17h no canal dela do Vevo 😉

E aí, curtiram? Me falem o que acharam da Francinne. Lembrando que isso não é um publipost, estou falando da cantora porque gosto dela.

Beijos,
Pinky

UPDATE: O clipe de Meninas Querem Diversão acabou de sair. Play!